quarta-feira, 27 de janeiro de 2010

Avatar


Pegue todos os discursos ambientalistas, pegue também todos os discursos vegetarianos e de direito de animais, misture um pouco de história da colonização da América, adicione uma boa dose de histórias de viagem espacial clássicas, agora aplique o que tem de melhor em tecnologia 3D, o resultado disso é o que? Se na sua cabeça veio um ser azul de quase três metros e feições delicadas acertou é exatamente essa a receita a básica de Avatar, mas como com essa mistura toda de coisas tão batidas esse filme consegue ser o sucesso que é. Vamos discorrer um pouco sobre isso.

Apesar de todas as criticas negativas quanto ao roteiro batido e raso, e “pouca arte cinematográfica” Avatar conseguiu bater o recorde de bilheteria sem correção monetária e já está arrebatando prêmios inclusive vencendo na categoria melhor filme no Globo de Ouro 2010, um premio muito valorizado pela critica especializada, já que é votado pela imprensa estrangeira residente nos EUA. Primeiro mesmo com todas as referencias a tudo que a critica mais bate em Avatar é primeiro filme que consegue colocar todos esses elementos ao alcance da maioria das pessoas, sabemos que bons filmes que tratam de temáticas delicadas como ambientalismo são muito pouco vistos e acabam não passando sua mensagem a maioria das pessoas como devia ser a intenção de filmes com um tema tão rico, alguém aqui já assistiu Amazônia em chamas? Ótimo filme sobre Chico Mendes produzido nos EUA e muito pouco visto no Brasil.

Todo o amor natureza e a Deuza é demonstrado de forma não chata e consegue atingir todas pessoas de por que aqueles seres amam tanto a natureza, mesmo tendo a necessidade da caça para sobreviver a caçada daquele povo inclui uma oração e encomendação  da alma da presa morta e tudo mais até mesmo pessoas como eu que não abrem mão de comer carne ficam tocadas com aquelas cenas, ou toda a convivência pacifica com a floresta que o povo Na’vi tem. Tudo isso ameaçado por um povo colonizador e opressivo que somente queria os recursos naturais daquele planeta ou o mineral Unobitanium pelas suas características super condutivas (não entendeu pergunte ao Sheldon). Alguém está lembrando uma história que ocorreu a uns 500 anos atrás nas Américas, é a mesma coisa que os Europeus fizeram com indígenas em todo continente americano só que sem Unobitanium.

Se todo esse discurso sócio-ambiental é raso eu discordo, ele é simples de fácil compreensão, o que é bom pois qualquer um dos muitos que assistiram o filme devem ter feito alguma reflexão sobre o tem, claro filmes como o que eu citei anteriormente são muito mais profundos mas pouquíssima gente viu.

Quanto a arte, bem esse filme não tem cortes fantásticos como Bastardos Ingloriosos, melhor filme do ano na minha opinião, mas dizer que a arte inexiste é no mínimo um equivoco para um leigo e um ato de má fé para um critico. Como não falar que aquelas flores construídas por computação gráfica não são arte, ou alguém acha que coisas produzidas por computador simplesmente surgem na tela sem interferência humana, sim minha gente tem artistas talentosos operando os computadores assim como Picasso usava ferramentas para pintar suas telas os artistas desse filme usam ferramentas só que outro tipo então não tem como dizer que um game 3D ou um filme quase todo em computação gráfica não são arte é óbvio que são só uma arte diferente.

E claro muito do sucesso só foi alcançado pelo grande estardalhaço da mídia em volta desse filme claro que todo mundo estava esperando o que esse diretor ia fazer depois de criar o universo do Exterminador do futuro e o ex recordista de bilheteria Titanic recorde quebrado pelo Avatar, claro mesmo a contragosto eu digo que foi um prêmio merecido e os que virão também vão ser merecidos, claro minha torcida ainda é por Bastardos Ingloriosos.

2 Comentários:

Larissa disse...

Avatar é realmente um sucesso... e um divisor de águas. E tua cara tbm rsrsrs. Torcendo pra ser recordista de bilheteria! Mas merecido... vamos ver o Oscar né?!
O Bastardos eu estou baixando em torrent e super ansiosa pra ver!

bjos
;*

Emylianny disse...

Putz grande filme Avatar... acessível e grandioso. As críticas fervorosas e maldosas são normais afinal em tempos "filme de arte " e independentes são o novo in...os pipocões tipo Avatar ficam meio out, acho bem injusto dizer que uma produção primorosa como aquela não merece lugar de destaque nas premiações do ano.Adoro pequenas produções ,filmes "cabeça" digamos assim mas nem por isso deixo de aplaudir o arrasa quarteirões do cinema digno dos ultimos tempos...e o post perfeito concordo em genero número e grau.
bjbjbj

Postar um comentário

Comenta aí e faça um blogueiro feliz!

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO