segunda-feira, 9 de novembro de 2009

Caso uniban


Há alguns dias atrás começou a ser tratado na  mídia de maneira enfurecida o caso da estudante da unibam que apareceu no campus com um vestido extremamente curto, segundo a universidade essas roupas iam contra o código de ética da instituição, realmente muitos locais tem restrições a roupas, por motivos de regras pura e simplesmente ou por segurança, por exemplo não se pode trabalhar com a pele exposta em locais onde sejam geradas faíscas.

Mas o que aconteceu o estudante foi a aula com roupas bem curtas e isso gerou um alvoroço geral entre alguns estudantes que resolveram fotografar e filmar a estudante, o que realmente deve ter perturbado as aulas, mas além disso de fotografar outros resolveram xingar depois desse fato a estudante foi retirada da universidade escoltada pela policia, como podem ver no vídeo abaixo.



Duas coisas me causam estranhamento a primeira somente ela ter que responder por indisciplina, não conheço os regimentos dessa universidade, mas estranharia muito que proibissem micro vestidos e permitissem a hostilização de estudantes, enfim até agora só foi divulgado que a estudante foi expulsa e todos outros baderneiros que ficaram gritando “puta” em coro não foram punidos eles não atrapalharam as aulas, e além do mais mesmo que uma pessoa cometa uma infração ela ainda tem direitos. E em segundo lugar queria ver hordas de pessoas assim protestando em prol de coisas úteis, que tal ir gritar em coro quando algum político corrupto está sendo inocentado em uma CPI, um micro vestido não afeta tanto a sociedade como um ato de corrupção.

Agora convenhamos nunca fiz uma pesquisa entre meus leitores para saber nível de escolaridade ou idade mas pelo que vejo nos comentários a maioria tem ensino médio completo ou cursa alguma universidade, e onde vocês estudaram ou estudam nunca ouviram falar do “matadouro” aquele lugar onde não se pode passar no turno da noite que sempre se tem um casal de estudantes fazendo sexo que grande universidade ou escola não tem histórias assim, acho que isso sim devia ser mais controlado pelas instituições, ,mas como eu não decido nada.

Bem mas isso é o máximo que vocês vão ver eu falar disso pois eu detesto esses sensacionalismos baratos da mídia.

Update: a Expulsão foi revogada durante a tarde de hoje.

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Robôs e eu


Alguns dias atrás estive visitando a robotec fair 2009, como já faz muito tempo que visitei a feira não é mais conveniente falar da feira em si, mas o que, bem fora a festa de sentidos que isso foi para mim amante de tecnologia foi também uma oportunidade única para pensar o que me formou como pessoa. Ver pequenos robôs dançarinos, uma andróide japonesa, um transformer em tamanho grande e claro os úteis e feios robôs industriais.

Mas eu após me minha formatura comecei a me perguntar no bom sentido o que fez eu seguir essa profissão, muitas vezes me relembrava do cara que arrumava a TV lá de casa ou a bomba d’água, si meu criança curiosa olhando um cara trabalhar e me maravilhando vendo fios ou outra coisas que eu nem fazia idéia d que era. Mas ao contrario de tudo isso o que realmente posso dizer que me despertou a curiosidade por tecnologia foram os robôs do cinema e séries de TV.

Quando era criança a extinta TV manchete passava diariamente muitos seriados japoneses toscos como Jaspion, que na época não me pareciam nada toscos, até mesmo acreditava na possibilidade de aquilo tudo existir e meus pais não me falarem nada para não me assustar.

Alem da robô que acompanhava o Jaspion em sua nave teve outros seres de lata que me influenciaram muito na infância como falar de robôs para uma pessoa que nasceu na década de 80  e  não falar na maior dupla desses seres de lata que são o R2D2 e C3PO de Star Wars esses dois provavelmente até hoje influenciam crianças, por anos e anos eu olhava um aspirador de pó ou centrifuga de roupas e pensava R2D2 na verdade eu sempre penso isso e as vezes me refiro a esses eletrodomésticos como “robozinho” mas o tempo passou e comecei a gostar mais ainda do assunto tecnologia, e claro todo e qualquer filme que mostrava um robô eu delirava e fazia de tudo para assistir foi assim que assisti “O exterminador do futuro” e seu temível T800 interpretado pelo brutamontes Arnold Schwarzenegger, assisti o primeiro e o segundo diversas vezes na TV aberta e lembro que anotei em um papel e guardei no criado mudo a data em que aconteceria o holocausto nuclear, até mesmo no dia em que isso aconteceria passou uma reportagem em um jornal local lá do Rio grande do Sul e após assistir essa reportagem lembro que fui brincar na rua e passei boa parte da tarde olhando para o céu e lembrando dos pesadelos da Sarah Connor.

Os anos foram passando e mais influencias foram me forjando e não lembro exatamente em que época assisti e qual ordem mas esses  dois filmes me fizeram pensar muito no sentido de criar e lidar com tecnologia que “A I inteligência artificial” e “O homem bicentenário” tanto no primeiro com o dilema da tentativa por parte dos pais de substituir um filho por um robô e tendo aquele final que sempre deixa duvidas se os seres esguios que aparecem ali são robôs avançados ou seres alienígenas mas isso não vem ao caso já que esse filme mereceria sozinho um post, e o segundo filme onde simplesmente um robô luta para ter o direito de amar, um sentimento simples para nós humanos mas impossível para os nossos amigos de lata.

Também não lembro com que idade encontrei os transformers aqueles seres que lembram robôs mas na verdade são seres biológicos de outro planeta mas isso me inspirou a querer por muitos anos um carro que se transforma em um robô e fiquei muito feliz quando ganhei um mas esses acabaram ficando talhados na minha mente e nunca mais saíram, claro que recentemente a amizade desses seres gigantes com a Megan Fox faz com que eu goste mais ainda deles.

Claro que na minha vida de estudos descobri que não era assim tão fácil lidar com robôs como eu sonhava mas no estudo de eletrônica me vi em vários dilemas como assistir o uso de diversos robôs em missões militares o que me colocou em uma crise existencial, muito pensei será que realmente devo seguir essa profissão, bem fiz uma série de promessas a mim mesmo e resolvi continuar meus estudos e hoje posso dizer  que estou muito feliz com meu trabalho mesmo não trabalhando com robô.

Mas admito com toda essa minha paixão por esse tema eu tenho que assistir “Metrópole” “Wall-e” e “Eu robô”, também ler os contos de Asimov  mas esse texo foi muito mais de desabafo e emocional que informativo então conte as suas emoções nos comentários.

Fotos da robotec, infelizmente apenas no orkut já que ainda estou com uma série de problemas de estrutura.

domingo, 18 de outubro de 2009

Distrito 9

É muito dificil fazer um bom file de ficção cientifica ainda mais um filme de ficção com todo um contexto social, a principio não sabia desse contexto acho que também não era a intenção do diretor dar esse contexto ao filme mas é impossível uma pessoa que cresceu na África do Sul não passar suas experiências de vida do regime de apartheid.

Bem mas o que isso tem a ver com ficção cientifica? A resposta é que acabei de sair da sala de cinema onde foi exibido o filme Distrito 9 um filme de ficção cientifica que ousa em vários sentidos a começar é uma produção de Peter Jackson, Neozelandês e tem como diretor Neil Blomkamp Sul africano ou seja um filme de ficção cientifica produzido fora dos EUA, talvez o primeiro desse gênero a lograr sucesso. Mas onde está o motivo desse sucesso os efeitos especais foram muito bem feitos os alienígenas realmente parecem existir e os efeitos também foram feitos por uma empresa sul africana.

A linguagem documental deu um charme a mais assim o filme pareceu muito mais contado por alguém que representado, mostrou muito bem como são tratados os funcionários descartáveis de uma organização de segurança, o protagonista que começou como importante na organização devido um fato ocorrido durante o filme ele foi marginalizado e jogado a própria sorte. Claro nem tudo são flores as tomadas de combate em um centro de autópsias me soaram doom, e a legendagem do filme ficou forçada na hora que chamaram os mercenários de BOPE e o blindado de caveirão. Mas no geral o filme deu um novo rumo a ficção cientifica mostrou muito bem que existe vida inteligente fora dos locais habituais.

Desculpe escrever tão pouco mas ainda estou com problemas estruturais e cada texto é um grande esforço.

segunda-feira, 12 de outubro de 2009

Bastardos ingloriosos


Neste final de semana estreou no Brasil o novo filme de Quentin Tarantino, Bastardos Ingloriosos e claro eu estava lá como é de se esperar de um filme do Tarantino é bom, sim eu sou fã e admito, mas como não achar bons os filmes desse cara a maneira como ele brinca no tempo com seus roteiros, as tomadas longas, diálogos extensos sobre trivialidades da vida.

Mas o assunto aqui é novo filme de Tarantino, ambientado na segunda guerra mundial bastardos ingloriosos  tem como plot principal a  história de um grupo de soldados judeus do exército estadunidense que foram enviados para a França atuar atrás das linhas inimigas, mas como o comandante desses soldados o tenente Aldo Raine, um cara sem compaixão. Bem, o filme é divertido tem cenas hilárias legendas que fazem as pessoas se sentirem a vontade, mesmo sendo um filme bem pesado.

Antes de fazer uma resenha em si vamos a fatos curiosos que presenciei na sala, a gerente do cinema foi lá falar com um pai  que levou um seu filho menor de idade para assistir o que atrasou o inicio do filme, antes disso já tinham comprado o ingresso no meu lugar, sim eu tenho um lugar no cinema, duas velhas saíram no meio do filme mas antes de sair reclamaram da violência, ora por que não ficaram em casa fazendo tricô, isso é Tarantino, ou se queriam ir ao cinema que assistissem UP altas aventuras,e por ultimo mas não menos importante vi a mulher da minha vida mas não consegui falar com ela após o fim da sessão, ela comprou o ingresso para a minha cadeira e ficou até o final dos créditos coisa que eu também faço.

Vamos a resenha desse filme então se você não viu e quer ver é bom parar por aqui volte e leia o resto depois de assistir ao filme por que vai ter spoiler.

||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||
O filme começa na França em 1941 mostrando a morte de uma família judia, ali também apresenta o Coronel Landa o “caçador de judeus” claro que como é um filme de Tarantino o Cel. Landa se senta a mesa com o dono da casa onde eles tomam leite e fumam cachimbo tendo uma longa conversa onde Landa explica como ele faz para caçar judeus, após a conversa ele convence o dono da casa a entregar a posição dos refugiados no porão e manda seus homens entrar e metralhar o assoalho  da casa mas Shosana consegue fugir e Landa deixa ela partir imaginando que ela morreria na fuga.

Após essa seqüência inicial é apresentado o grupo dos bastardos ingloriosos, onde o Tem. Raine apresenta o que serão as missões a seus soldados, e conclui com a frase “ vocês adquiriram uma divida pessoal comigo, cada um me deve 100 escalpos de nazistas, me paguem ou morram tentando” depois dessa frase  já se percebe o nível de violência que terá esse filme, afinal de contas quem não gosta de ver nazistas morrer nos cinemas?

Após alguns minutos aparece Hitler dando um de seus ataques típicos mandando que seus soldados capturem o “urso judeu” um famigerado soldado judeu que esmaga crânios de nazistas com um bastão de basebol. Depois do ataque de bicha típico do hitler ele recebe um soldado que sobreviveu ao ataque do pelotão do urso, uma cena de flash back é contado como aconteceu o ataque, na cena estava 3 nazistas ajoelhados e um deles é chamado para ser interrogado por Raine que lhe faz pergunta sobre a artilharia alemã em um pomar, o nazista diz que não vai falar e Raine lhe apresenta seu pelotão e pergunta se ele conhece Stglitz, ele retruca dizendo que todo exercito alemão conhece, nesse momento é apresentada a história do sangnolento Stglitz, um soldado alemão que após ingressar no exercito mata 13 oficiais e é preso, esperando pela morte na prisão é resgatado pelos homens de Raine que entram e matam todos os guardas da prisão de maneira rápida e eficiente, Raine lhe convida para entrar em seu grupo dizendo que assim ele teria como se profissionalizar em matar nazistas já que sua fama era boa mas de amador, depois disso o nazista estava literalmente com o cú na mão, mas mesmo assim não entrega a posição de seus companheiros, depois de tentar convencer inutilmente o nazista a falar Raine chama o urso judeu para matar um nazista disposto a morrer pela sua pátria, o urso vem de longe dando pancadas na parede com um bastão de basebol quando ele aparece da uma conversada rápida e brinca de narrar um lance e desfere um golpe forte o suficiente para matar o nazista, mas ele não para até esmagar o crânio do desgraçado para delírio dos outros soldados que comemoram, um dos outros nazistas tenta fugir e é baleado o terceiro conta de primeira a posição dos seus companheiros e Raine lhe deixa com uma marca para sempre ser identificado como nazista usa sua faca para desenhar uma suástica na testa do sujeito, após ouvir isso Hitler enlouquece e diz para o soldado que ele não deve contar isso a mais ninguém.

O terceiro é quarto capítulos são um deleite para os fãs de cinema onde ele fala sobre como eram os filmes de nitrato e quanto inflamáveis eles eram, mostra a sala de projeção mostra como os filmes eram cortados e colados a mão tudo isso fazendo referencia ao cinema em si mas sem descolar da história criada no filme tudo muito bem interligado, mas antes disso mostra como Shosana conseguiu levar para seu cinema a premier de um filme de propaganda nazista, com a arrogância típica de um soldado nazista que tenta dar em cima dela, levando ela para conhecer Goebells o ministro da propaganda nazista e responsável pelos filmes desse período assim em uma cena maravilhosa em uma confeitaria Tarantino mostra sua ficção por filmar pessoas comendo e mostrar comida em close quando, nesse momento aparece rapidamente a única cena de sexo do filme, quando Shosana é apresentada a interprete de francês de Goebells, na cabeça dela passa um flash dele transando com ela de quatro, posição considerada pecaminosa pela maioria dos cristãos, sendo que os nazistas eram cristãos, mostra a conversa dela com Cel. Landa o homem que massacrou sua família ela em pânico mas sobreviveu a conversa longa e muitas vezes falando sobre nada, como sempre em filmes de Tarantino isso acontece a mesa, mas nessas conversas também são citados ícones do cinema da época como Chaplin e diversos outros figurões do cinema.

O ato final é o plano de destruição dos nazistas em si onde os bastardos resolvem explodir o cinema matando os nazistas durante a premier e Shosana resolve usar seus explosivos particulares, uma coleção de 350 filmes de nitrato para incendiar seu cinema  enquanto os bastardos tentam se infiltrar nesse cinema mas tem seu primeiro revés ao marcar um encontro com uma informante que os colocaria lá dentro,ela marca em uma taverna localizada em um porão, um local ruim de fazer um confronto físico, após uma seqüência tensa em uma mesa da taverna acontece um tiroteio muito rápido com muito sangue jorrando onde somente a atriz e um cabo nazista totalmente bêbado sobrevivem e Raine intervem para resgatar os corpos de seus homens nesse momento a atriz que se fingia de morta atira no cabo e é resgatada por Raine, após uma seção de tortura onde Raine verifica que ela realmente está falando a verdade ela da um jeito de colocar seus homens dentro do cinema disfarçados de produtores italianos, sendo que nenhum deles fala italiano de maneira decente, o sotaque de Raine é horrível, e em outro momento Landa descobre que ela esteve naquele bar e resolve abordala antes  do inicio da seção de cinema, enquanto Landa a interroga Tarantino mostra sua tara por pés conseguindo um close no pé da atriz sem que isso saia do contexto do filme, e após isso landa mata ela e prende Raine. Mas o plano de Shosana segue impecável após uma negociação com o governo dos EUA Landa se rende e fala sobre como usou os explosivos apreendidos para “ajudar no plano” o filme encerra com o plano de Shosana dando certo ela aparecendo no meio do filme falando verdades aos nazista e de como ela conseguiu atrair todos eles para uma grande armadilha após isso seu projecionista Marcel joga um cigarro Red Apple em uma pilha de rolos de filme e começa um incêndio no cinema após algum tempo o os explosivos detonam e a história da segunda guerra é modificada para uma versão bem mais divertida da morte de Hitler.

Após isso Landa leva Raine até território controlado pelos estadunidenses e se entrega como combinado mas ai a grande frase do fim do filme é dita, após dar as explicações que um nazista deve sempre ser identificado, ele faz com sua faca na testa dele uma suástica e um de seus soldados fala que ficou muita boa e Raine diz “ essa é minha obra prima” mas isso é Tarantino falando sobre seu filme e eu concordo.

||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||


Bem se você procura diversão com humor negro e muitas referencias a cinema esse é o filme mas se você não tem resistência a sangue ou mortes esse não é o seu filme.

Assista aqui a critica feita por Mauricio Saldanha no cabine celular sobre esse filme.

segunda-feira, 5 de outubro de 2009

Interrompido

Durante os proximos dias as postagens aqui estarão interrompidas por falta de estrutura para postagens, mas quando voltar em breve vai ter uma grande novidade.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Cinema brasileiro parte II


Após o primeiro texto da trilogia ser publicado vamos com a continuação falando dos principais filme e produtores até o inicio dos anos 2000.

Existiram após as tentativas de imitações de Hollywood, surgiram as primeiras produções em massa de filme no Brasil. Mas pode se dizer o primeiro produtor autoral, que roteirizava atuava e auxiliava na direção foi Mazzaropi um grande percussor do cinema nacional, ainda muito cultuado por uma geração de fãs que ficaram órfãos após sua morte, ele também foi um dos poucos que conseguiu produzir filmes durante a ditadura militar no Brasil, ele foi um dos que melhor mostrou a cultura regional em seus filmes, claro essa manifestação cultural correspondia a uma determinada região.

Também da década de 50 a de 70 tentaram fazer uma franquia de filmes de aventura com o astro da jovem guarda Roberto Carlos inclusive em um desses filmes fizeram a primeira gravação com helicóptero atravessando um túnel no Brasil, coisa que para a geração a atual pode ser comum mas no Brasil dessa época isso não era nada comum. Nessa época alem das pornochanchadas que fizeram com que a educação falsa moralista do Brasil fizesse se criar a idéia que filme nacional é pornografia, mas como comentei no texto anterior eu me decepcionei assistindo dama do lotação, já que pensava que era um pornô(filme pornô tem que ter sexo explicito e pornochanchadas não tem). Outros filmes dessa época que exploraram muito bem o erotismo foi Gabriela cravo e canela, Tieta do agreste, e o recordista de ingressos vendidos no Brasil Dona flor e seus dois maridos, dirigido por Bruno Barreto em 1976, o governo da época soube usar isso muito bem para colocar no inconsiente da população brasileira que no Brasil só se faz putaria. Fazendo com que crianças não vão ao cinema e não se acostumem a ver filmes nacionais, pergunte a alguém com entre 30 e 50 anos se ele gosta de filmes nacionais, se a resposta for negativa pergunte por que. Provavelmente a resposta será algo do tipo “filme brasileiro tem muita baixaria, é só palavrão e gente pelada, é muito violento”.

Na mesma década de 60 se estendendo até 91 surgiram os trapalhões filmes de grande rentabilidade, mas são simples comédias infantis com roteiros extremamente repetitivos, mas em alguns anos era produzidos três filmes deles, exatamente do jeito que a ditadura gostava filmes para manter o pão e circo. Xuxa que surgiu no mesmo tipo de filme citado no parágrafo anterior mas galgou sua carreira e fez fortuna produzindo e fazendo filmes infantis e até hoje ainda tenta fazer esse tipo de filme, não que filmes infantis não tenham espaço, que não deveria mais ter espaço são filmes assim que subjugam a inteligência das crianças, mau sobrinho sabe identificar CG de imagem filmada ele avha os efeitos especiais de Jaspion agressivos, eu na idade dele achava o máximo.

Na década de 80 foi diminuindo o numero de filmes até chegar no tempo de merdalança total que foi o governo Collor, que além de caçar a poupança dosbrasileiros e todas outras merdas desarticulou ministério da cultura e por conseqüência fechamento da embrafilme o que destruiu todas esperanças de cineastas brasileiros, já que o cinema no Brasil sempre dependeu do governo.

Assim como em dublagens ainda hoje vemos o problema do falso moralismo herdado da ditadura militar no Brasil a produção de filmes foi altamente prejudicada por esse período. Além desse tipo de problema tem a dificuldade de financiamento de filmes feitos no Brasil, o principal financiador hoje ainda é o governo federal através de leis de incentivo a cultura. Veja a foto de veja esses dois DVD’s da minha coleção se ampliar bem a foto do “Olga” vão ver muitas bandeiras de estatais, no “O poderoso chefão” não tem esse tipo de patrocínio já que o financiamento é feito por investidores o que tem um lado muito ruim que o investidor privado da pitacos no filme, mas investimentos governamentais só são concedidos se o roteiro não desagrada o governante da vez.

Já no outro lado hoje temos as produções oriundas da TV que tem seu publico, basicamente o mesmo que assiste novela mas que duas vezes por ano vai ao cinema e assiste esse tipo de coisa.

Para falar de filmes contemporâneos digamos pós 2000 vão ser tratados em mais detalhes no próximo texto.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Conspirações

Filmes, sempre me fascinaram, adoro falar de cinema ou tentar aprender mais sobre filmes inclusive já tenho uma pequena coleção de filmes, geralmente incluindo clássicos, como O Exorcista, O poderoso chefão, Os intocáveis, 2001 uma odisséia no espaço, Pulp fiction tempos de violência, Jornada nas estrelas o filme, e mais alguns menos clássicos.

Pelo menos dois desses são envolvidos em histórias conspiratórias, e um tem uma frase que reflete bem a opinião da maioria das pessoas. Vamos as histórias que explicação sobre natural ou sinistra, mesmo que simples.

Aparição no filme três solteirões e um bebê, em um dado momento do filme aparece a imagem de uma pessoa atrás de um cortina, (esse filme não faz parte da minha coleção), essa imagem é facilmente explicada, foi usada uma imagem de papelão para fazer volume em uma festa de outra gravação, o continuista fez cagada e esqueceu ali, pronto simples né, mas não as pessoas teimam em acreditar que é uma aparição de algum espírito, mesmo o fato sendo facilmente explicado.

Já o filme O exorcista, teve uma série de acidentes durante a gravação e muitas pessoas próximas a gravação se acidentaram, em momento nenhum quero desacreditar a história do filme, mas pelo menos dois dos fatos inexplicáveis são totalmente explicáveis, primeiro a atriz que representava a mãe da menina quebrou a clavícula em uma cena que a menina arremessava a mãe contra a parede, lembrem-se esse filme foi rodado em 1973 ou seja antes de Star Wars o filme que introduziu a a computação gráfica no cinema, então nessa cena a atriz foi arremessada de VERDADE contra a parede bem se arremessar uma pessoa contra a parede é comum que ela quebre alguns ossos, alias ai vai uma curiosidade o ator Shia LaBeouf durante as gravações de Transformers 2 quebrou um braço durante uma das muitas explosões do Michael Bay, grande aficcionado por explosões, mas imagine se esse ator tivesse quebrado o braço

Na cena inicial de Constantine quando um demônio cai em cima de seu táxi, ou a explicação para ele quebrar o braço foi uma maldição dos Fallens?

Também nesse filme ocorreu um incêndio em um final de semana em um dos sets de filmagem, mas espera ai vc já viu um set de filmagem ou estúdio de TV, set eu nunca entrei mas estive em um estúdio de TV e o troço é super iluminado, então varias ligações elétricas feitas sem muito cuidados, 1973 não existiam normas regulatórias de instalações elétricas, então um incêndio é uma coisa que uma hora ou outra ia acontecer.

Aparições em fotos, todas fotos com pessoas estranhas na cena foram tiradas com câmeras de negativo, para quem não lembra ou nem conheceu essas câmeras ela após bater uma foto precisa se rolar o negativo, e muitas vezes ficava uma imagem sobreposta criando aparições como as das fotos abaixo, nada de sobrenatural somente um problema técnico. Alias vocês perceberam que a maioria das filmagens e fotos de aparições ou supostos fantasmas são com negativos e não imagens digitais, mesmo câmeras digitais hoje sendo uma febre, muita gente tem.

A farsa do homem na lua, a bandeira não podia tremular, as sombras dos astronautas estão divergentes, a terra parasse ter tamanhos diferentes em fotos, os filmes fotográficos não suportariam as variações de temperatura da lua e nem os astronautas suportariam essas variações, respostas simples demais né as bandeiras estavam sobre uma armação que as deixava rígida, sombras divergentes a superfície da lua é menor que a da terra, filmes fotográficos as câmeras eram blindadas e preparadas para essa variação de temperatura, assim como as roupas dos astronautas eram preparadas para agüentar variações de temperatura, todo mundo sabe que equipamentos militares são especiais e cheios de firulas, e os soviéticos eles tinham um satélite apontando para a lua e nunca contestaram a presença estadunidense lá, isso durante a guerra fria quando os soviéticos estavam loucos para demonstrar superioridade aos estunidenses e vice versa, també m foi montado ao longo das expedições a lua um conjunto de espelhos para monitorar a movimentação da lua, e qualquer um pode mandar um laser para lua e esperar ele voltar.

A conspiração toda está no fato que alguns dizem que Stanley Kubrick fez a montagem do vídeo do homem na lua inclusive nessa foto que vocês podem ver abaixo alguns conspirologos enxergam o próprio diretor de 2001 agachado em um canto da foto, mas agora me digam, se fosse uma farsa por que ele voltaria lá na hora da recepção dos astronautas, ele ficaria bem escondido longe das câmeras dos jornalistas.

E uma das coisas que sempre me vêem a mente quando se fala em algo sinistro, todo humano tende a chamar de coisa o que lhe é desconhecido ou algo nesse naipe, Agora um desafio aos leitores quantos filmes foram citados ou referenciados nesse post.

Fontes: http://www.apocalipse2000.com.br/hist_alem03.htm

http://www.sobrenatural.org/materia/detalhar/4531/o_verdadeiro_caso_do_filme_o_exorcista/

http://pt.wikipedia.org/wiki/O_Exorcista

http://www.afraudedoseculo.com.br/

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Cinema brasileiro parte I

O cinema brasileiro sempre é mau visto, poucas pessoas admitem que podem existir bons filmes produzidos no Brasil, eu particularmente acho que tem filmes bons que são produzidos no Brasil mas vamos a alguns exemplos de por que o cinema brasileiro ainda merece um voto de confiança.

Menos de 1 ano após a invenção do cinema na França, no Rio de Janeiro já tinha acontecido a primeira exibição de filme de cinema no Brasil, o primeiro filme rodado no brasil supostamente foi “Uma vista da baia de guanabara” filmado pelo cinegrafista italiano Alfonso Segreto, mas nunca exibido e não se tem mais informações do rolo deste filme, no inicio do século XX os próprios exibidores produziam seus filmes baseados em fatos relatados pela imprensa na época, marca que perdurou por algum tempo, voltando a ser retratado de formas diferentes. Nesse período de inicio de século em Pelotas, sim pasmem em Pelotas foi rodado o primeiro filme longa metragem produzido no Brasil “O crime dos banhados” para quem não sabe Pelotas foi construída em cima de um banhado e do mesmo diretor realizou no ano anterior o filme curta metragem “Os Óculos do vovô” o fragmento mais antigo do Brasil de filme de ficção.

Mas já desde antes da primeira filmagem de um longa metragem no Brasil os cineastas brasileiros já sentiam a concorrência de Hollywood e o proprietário da primeira rede de cinemas no Brasil fechou parcerias com as distribuidoras estadunidenses de filmes, na era do cinema mudo acontecia muito assim filmes reconstituição de crimes e outros filmes encomendados por políticos, comerciantes e industriais.

Já o primeiro filme com áudio produzido em terras tupiniquins foi o “acabaram-se os otários” de Luiz de Barros em 1929 a partir desse filme foram produzidos vários outros, muitos deles musicais que estava muito na moda no inicio da década de 30, já na década seguite houve a primeira tentativa de industrialização de produção de filmes, coisa que já existia na exibição de filmes, já existiam redes consolidadas de cinemas, e nos E.U.A. já existia a industria do cinema com toda força. Durante a década de 30 hoveram muitas tentativas de imitar o cinema mas ainda muito na temática carnavalesca, mas dessa época decolou a Carmen Miranda.

Durante a década de 40 foram criadas indústrias com os mesmos moldes da industria dos E.U.A. a mais destacada dessas indústrias foi a foi a Vera Cruz que em 5 anos de vida produziu 18 filmes inclusive o “O Cangaceiro” vendido para a Columbia pictiures, e o primeiro filme de Mazzaropi “sai da frente” grande astro da época, esse ator tem uma filmografia muito extensa, são 33 filmes produzidos completamente e um inacabado, esse por motivo da morte de Mazzaropi em 1980, mas voltando a primeira tentativa de industrialização nessa época surgiram outras produtoras menores e todas tiveram o mesmo fim da Vera Cruz. Ao mesmo tempo no Rio de Janeiro começaram a ser produzidas as chanchadas filmes de baixíssimo orçamento e produção em escala industrial.

A década de 50 foi marcada pelo movimento do cinema novo movimento que surgiu na critica de tentar copiar a industria do norte, que foi a base das tentativas anteriores, e essas não se concretizaram, a partir desse cenário se abre a opurtunidade para outras tentativas, nesse vácuo cinematográfico surgiu esse movimento, filmes que exemplificam essa época são os de Alex Viany realiza "Agulha no palheiro" (1953) e Nelson Pereira dos Santos filma "Rio, 40 graus" (1955). Filmes que retratavam com muita realidade os costumes brasileiros e a realidade social e política do pais.

Na década de 60 esse novo cinema se difundiu com jovens cineastas empolgados com a idéia de fazer filmes e retratar a realidade nacional, e aparentemente deu certo, já queo filme “o pagador de promessas” de 1962 foi premiado com a palma de ouro no festival de Cannes, mas alguns cineastas da época taxaram esse filme de comum. Mas após o dia 31 de abril de 1964 veio um tempo de destruição do cinema nacional, o período de ditadura militar, ai leia-se acirramento da censura, privação de direitos civis e todas as coisas que aconteceram nesse período. Mesmo assim ainda foram produzidos os últimos filmes do cinema novo.

Ainda na década 60 surgiu o movimento udigrudi, movimento de contra cultura a estética estadunidense, baseados nesse movimento foram rodados vários filmes inclusive O Bandido da Luz Vermelha, Matou a família e foi ao cinema.

A década de 70 foi marcada por muitas produções cinematográficas, mas todas elas sem um grande conteúdo, pornochanchadas, humor regional, tentativas de filmes de ação com astros nacionais, infantis. As pornochanchadas foram tratadas como pornografia mesmo não sendo, o longa a dama do lotação por exemplo eu assisti acreditando na mentira e descobri alguns anos depois a verdade. Mas nessa época foi rodado o recordista de espectadores em filmes nacionais “A dona flor e seus dois maridos” com José Wilker e Sonia Braga essa trabalhou após esse filme por algum tempo nos E.U.A. também nessa década despontaram as produções dos trapalhões, que alguns integrantes fazem filmes até hoje. Mas os roteiros no geral nessa e´poca os roteiros eram rasos e completamente sem retratação de realidade.

A década de 80 foi o fim do cinema nacional, produtores de filmes descapitalizados, proibição de certos tipos de roteiros essas coisas fizeram com essa década fosse umas das piores para produções de filmes no Brasil, mascom todos esses problemas foram produzidos alguns filmes de relevância, isso exclui infantis com a mesma história de sempre. E também teve muito incentivo a produção de documentários de longa metragem.

Agora se você achou que 70 e 80 foi ruim os anos 90 foram o inferno na terra no governo Collor foi extinto todo e qualquer tipo de fomento a cultura no pais e a década de 90 foi marcada por poucas produções principalmente na primeira metade, na segunda metade começou a ter ua retomada com alguns filmes atingindo até sucesso internacional, mas a geração economicamente ativa da época influenciada pelo cinama no tempo da ditadura passou a repudiar trabalhos nacionais até os renomados como “Quatrilho” e “Central do Brasil” filmes premiados fora do Brasil. Também nessa década foram produzidos filmes como “Lamarca”, “O que isso companheiro”.

Nos anos 2000 começou de fato uma retomada com ótimos filmes como “Cidade de Deus”, “Carandiru”, “Olga”, entre outros e também os filmes produzidos pela globo filmes como “se eu fosse você”, “A grande família”, “Os normais”. Também nessa década foram produzidos muitos filmes retratando cultura regional, “o alto da compadecida”, “neto perde sua alma”, “Tapete vermelho”, e co-produções internacionais, inclusive ganhadoras de Oscar, “diários de motocicleta”, “Jardineiro fiel”, “Ensaios sobre cegueira”.

Esse texto ficou gigante mas tem muito mais coisas a serem faladas sobre cinema nacional então esse post vai ser uma trilogia nos próximos dias vão ser publicadas as continuações até lá.

sábado, 19 de setembro de 2009

Pedro da meu chip

Raramente eu aproveito esses ondas como a dança do atoxa, aquela da professora baina que foi demitida mas esse video do pedro me da meu chip me deixou com vontade de compartilhar.




E aquia versão Darth Vader

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Confirmação da teoria das cordas

Tá com saudade de TBBT, pois é eu também então vamos a um papo meio Sheldon Cooper, dois Físicos britânicos os Dr.s Gerald Cleaver e Richard Obousy, apontam em sua teoria que é possível atingir velocidade de dobra, ou seja velocidade superior a da luz ou seja mais do que 299 792 458 m / s. Como se chegaria nessa velocidade, colocando um objeto no exato “local” onde o universo se dobra, na décima primeira dimensão como o universo de um lado se expande e de outro se contrai sendo assim mantendo a coerência com a teoria da relatividade, com essa capacidade um obejto nave ou qualquer coisa pode viajar a velocidades muito altas, além de poder fazer parte da federação dos planetas unidos.

O mais interessante é que essa teoria em parte se baseia na teoria das cordas, teoria que diz que o universo tem mais de 4 dimensões as que nós conhecemos, a teoria das cords diz que existem 10 dimensões, a teoria M diz que existem 11 dimensões sete delas desconhecidas de nós, mas na nessa décima primeira dimensão seria onde as cordas vibrariam. Essa teoria possibilita o alcance dessa velocidade.

Entrando nessa dimensão o motor de dobra criaria uma bolha de energia manipulando a matéria negra positiva, com essa energia toda a nave poderia se deslocar mais rápido que a velocidade da luz estando sempre no local onde o universo se expande e se contrai, indo onde nenhum homem jamais esteve. Tudo isso tem cara de ficção cientifica é tem sim mas abre precedente para pesquisas nessas áreas que podem levar a grandes avanços em tecnologia aeroespacial. Se um dia isso acontecer eu disponibilizo a trabalhar como técnico em uma Enterprise.

domingo, 13 de setembro de 2009

Programer Day

Bug, inseto em inglês é mais um desses termos que tem outro significado na língua dos profissionais da informáticao surgimento desse termo é controverso se foi a equipe do ENIAC ou a equipe do MARK II, mas um desses computadores travou mesmo sem usar rodar Windows 98, mas naquela época um computador desses travar signficava uma equipe de manutenção entrar dentro do computador e substituir algumas válvulas e relés.

Nesse tempo era comum esses componentes estragarem e técnicos se queimarem trocando essas peças, nesse tempo os programadores atuavam fisicamente as chaves que correspondiam a bits, e com esse liga desliga o troço vivia estragando, um belo dia uma mariposa pousou nos terminais de um relé fechando o curto na bagaça toda e fazendo com que o computador parace de funcionar. Inaugurando o termo “bug” desde esse dia isso deixou de significar simplesmemte inseto e passou a significar falha critica em um sistema computacional. Naquela época seja mark II ou ENIAC o programador era também que arrumava o hardware, que era bem diferente do hardware de hoje, a programação era física não por linguagem, alguém entrava dentro literalmente do computador e mechia em chaves ligava relés e fazia cálculos.

Esses homens e mulheres que pioneirizaram a informática, merecem no dia de hoje os nosso mais profundos parabéns assim como todos os programadores e programadoras que trabalham hoje em dia fazendo com que outras pessoas usem seus computadores deforma sadia ou nãoentão aqui fica meus parabéns pelo dia do programador o 256 dia do ano, não se esqueça daquele seu amigo ou amiga estranho que vive na frente do computador, de uma abraço nele ou nela convide para um café seja legal programador é gente e deeve ser bem tratado, não queira ter um programador como inimigo. Parabéns a todos programadores e programadoras e que nunca em hipose alguma acabe o café

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Desculpa e obrigado

Recebi esse selo a muito tempo atrás da Larissa que já posso considerar uma amiga e a menos tempo, mas já a mais de 90 dias da Bruna outra pessoa fascinante que escreve super bem ambas escrevem muito bem alias, adoro ler o que elas escrevem apesar de as vezes não comentar muito nos blogs delas mas sempre leio por RSS, então ai vai o selo que elas me indicaram apesar de preferir café em detrimento a coca cola.

Indico para meu grande amigo Daniel do dizendo algo, para Xana do 1001 noites de malicia, moony, biblioteca musical viva em seu novo mais nem tão novo trabalho We never lost control, e para Emylianny do pipoca & poesia apaixonada por cinema que também gosta de intocáveis como eu.

É só indicar esse selo para blogs que te representem muito, e olhem os blogs que recomendo ali do lado,adicionei alguns após essa nova mudança espero voltar a postar com eu ritmo normal.

quarta-feira, 12 de agosto de 2009

Ficção científica vs novelas

Isso é uma das maiores divergências entre noveleiros e cinéfilos, por que quem gosta de ficção cientifica odeia novelas vamos aprofundar as diferenças entre essas duas artes, ta bom eu sei novela é porcaria e não arte.

Geralmente as novelas se baseiam no universo real esse que nós vivemos onde se um estilhaço de metal penetra no nosso peito morremos, já em universos ficcionais isso é só um pretexto para um milionário ter super poderes, então antes de falar sobre as diferenças desses gêneros vamos estabelecer o que é um universo.

Universo que vamos tratar nesse texto é onde se passa a história da obra, ou seja novelas quase sempre se passam em um universo real, esse que nós vivemos trabalhamos comemos, e até algumas pessoas fazem sexo, universo ficional é onde se passam as histórias de ficção, algumas leis da ciência são quebradas ou alteradas, a partir daí se criam novas leis validas nesse universo, a partir dai essas leis são cumpridas a risca como verdadeiras.

Como as coisas acontecem nas novelas, as distancias são encurtadas, viagens intercontinentais passam em 5 segundos, tudo bem a única boa cena em avião envolveu o House e só ele não deixa o avião chato, mas uma vigem de mais de 20 horas onde aparece pessoas embarcando, pessoas esperando, pessoas que esatavam esperando ainda fazendo a mesma coisa recebem as pessoas que chegaram de viagem, e em universos novelescos não existe dobra temporal isso é coisa de ficção cientifica?

Outra grande diferença novelas criam modas, ficção cientifica cria tendência exste uma grande diferença entre um estilo de brinco de uma artista ser imitado no período outra coisa bem diferente é dar nome a um telefone celular que marcou época como o motorola startac, ou a um porta aviões nuclear, alias o primeiro porta avões nucçear dos E.U.A. o USS Enterprise nome dado em alusão a USS Enterprise de Satr Trek. Isso sim é tendência não o formato de um brinco roupa ou corte de cabelo que dura em torno de 6 meses esse celular marcou é poça como um dos mais pequenos tido até hoje como um dos , melhores aparelhos já fabricado pela motorola, que hoje na minha opinião não faz mais bons telefones.

Foto do celular

Foto do USS Enterprise.

Imagem da USS Enterprise

Como comparar essas duas artes impossível para construir um roteiro de novela não é exigido coerência como em uma série de ficção, fãs de ficção são criaturas alucinadas, geralmente roteiristas tem pesadelos com seus fãs, já em novela o maximo que acontece é um ator que representa o vilão da vez apanhar de uma velinha na padaria.

Agora o que foi inspirado em uma novela de fama internacional não descobri nada, nunca recebi convites para participar de convenções de fãs de novelas, novelas não mudaram a forma de fazer algo como Star Wars, você gostando ou não mudou o mundo que temos hoje, a computação gráfica hoje aliada de qualquer produção audiovisual, ou mais importante ainda grande aliada dos médicos só existe da maneira que é hoje pelo que foi feito nos efeitos especiais da trilogia clássica tidos até hoje como algo próximo da perfeição, claro não podemos comparar efeitos modernos com efeitos de mais de trinta anos, mas salvo essas diferenças de tempo são muito bons os efeitos da trilogia clássica.

Como podem ver é injusto continuar comparando essas duas formas de arte já que as diferenças são berrantes, o que muitas pessoas não entendem quando se fala que uma obra de ficção cientifica émais real que uma novela são pequenos detalhes como fidelidade da obra ao universo da história, isso é o ponto de maior importância e que torna a maioria das novelas fajutas perto de uma série de ficção cientifica.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Apenas o fim



No nerdcast profissão cineasta o produtor de apenas o fim falou detalhes d a produção e divulgou o lançamento de seu primeiro longa metragem, sim esse filme foi o primeiro de Matheus Souza.

O filme trata de ma garota que vai até a faculdade avisar o namorado que em uma hora ela vai ir embora ele nunca mais vai ver ela, nisso ela da duas opções para ele 1 transar loucamente por uma hora, ou 2 conversar sobre o tempo que durou a relação nesse momento o protagonista faz sua escolha pela segunda opção. A construção dos personagens principais foi ótima o cara um nerd completo, mas não caricto ele é aquele nerd que pode sentar do nosso lado no ônibus ou o dono de um blog que você lê. A menina namorada do nerd é bonita interessante mas não aquela coisa caricata que o nerd sempre se ferra e depois pega uma gostosona, personagens coadjuvantes como a produção do filme, a riponga e o chapadão são um show a parte.

Infelizmente na maioria dos cinemas esse filme não pode passar como foi filmado em digital e não em película e finalizado também nesse formato somente em alguns cinemas ele pode estrear, pois não sei se você leitor sabe a maioria dos filmes ainda são filmados e finalizados em película com aqueles rolos de filme que são guardados em latas de goiabada.

Agora assista o trailer oficial do filme.



Agora se você não assistiu e ainda quer assistir esse filme passe já para o campo de comentários não leia tem spoilers.

||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||||

Agora vamos falar de cenas em si do filme a divisão acontecimento presente e flash back em P&B foi ótima as ligações do assunto que o casal conversava na hora do filme e uma lembrança que tinha ligação com a conversa funcionou muito bem, assim como as cenas deles apertados em uma cama de solteiro sim quem nunca passou por isso de ter que ficar apertado em uma cama que não cabem duas pessoas, a técnica dela de resolver uma possível discussão com uma bundada que namorada não faz isso? Pequenos detalhes como esse tornam o filme muito engraçado mas ao contrario de uma comédia romântica são coisas normais do dia a dia coisas que acontecem. Composição do cenário do quarto dele, nada extremamente caricato mas quem sabe reconhece na hora esse é um quarto nerd, desenhos na parede, console, HQ e lenço de papel o detalhe da caixa de lenços para mim foi fantástico, sem outra palavra para definir isso.

A discussão que aparece no trailer dela falando d o bonequinho do Heman e ele dizendo que aquele era o fantástico assim como a hora que ele diz seu cavaleiro do zodíaco favorito e sua tartaruga ninja favorita e justifica que é por causa do bastão diálogos desse tipo acontecem nas cenas P&b.

Já nas cenas da faculdade eles focam no termino do relacionamento mas também falam de vídeo games ele como sonysta e ela como nintendista, mesmo com ela avissando que estava indo embora ele fica irritado com o chapadão que claramente da em cima dela e diz uma das frases que marcam o trailer “ tem mulher que gosta de cara estranho”, e a hora em que aparece a riponga e da um abraço nele o transtorno com ciúmes repentinos dela isso é bem típico de fim de namoro coisas que realmente acontecem.

A cena do banheiro com certeza é a cena com mais força dramática do filme ele entra no banheiro lava o rosto e começa a chorar sentado no chão e ela na porta do lado de fora também chora tomadas focando um e outro deixam essa cena bem pesada mas em seguida encaminha para o final do filme onde eles encontram outros produtores que estavam fazendo um filme com o mesmo tema do que acontecia com eles, ou cena dela contando para a estatua para onde vai isso é outra coisa bem típica geralmete em faculdades escolas e cidades pequenas as pessoas se apegam afetivamente a estatuas lhe dando nomes e contando coisas essa é mais uma das muitas coisas que só um roteirista dessa geração é capaz de abordar.

A cena final onde ela se despede dele e lhe da um caixa e pede para ele abrir somente daqui a uma hora a cena da despedida ocorre no portão da faculdade que mostra claramente o por que do filme se passar na faculdade a câmera não podia sair de dentro do campus.

Assistam a esse filme prestigiem o cinema nacional só assim teremos bons filmes com estilo próprio e não percam a cena de depois dos créditos.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

Desktops


Existem varias técnicas reconhecidas de como identificar personalidades de pessoas que você nunca viu na vida, técnicas essas uusadas por pseudos religiosos, vigaristas em geral investigadores de policia em um interrogatório, flasos videntes também usam técnicas desse tipo para fazeer suas previsões, mas tudo isso não passa de ciência aplicada, já que falamos nisso que tal brincar de traçar personalidades de pessoas por imagens de desktop, conversando com duas amigas no msn, a Larissa e a Aimé, elas me passaram prints de seus computadores na hora em que tínhamos essa conversa.

Vamos a lagumas especificações de como avaliar desktops, quantidade de ícones geralmente pessoas que tem poucos ícones são aquelas pessoas que também tem uma mesa mais orgaanizada e gostam das coisas nos seus devidos lugares, já pessoas que tem muitos arquivos na área de trabalho são aquelas que cegam em casa do trabalho tiram um sapato em cada canto da casa  e no outro dia demoram para encontrar os dois sapatos.

Imagens do desktop, a imagem que é usada como plano de fundo na área de trablho pode denotar muito da personalidade de uma pessoa, por exemplo meninas adolescentes apaixonadas tem a nescessidade de colocar fotos delas com os namorado na área de trabalho, gamers inveterados sempre tem screen shots de seus melhores momentos em games, eu mesmo já tive a imagem de um Aston Martin DB9 no desktop isso quando jogava Need for Speed Carbon, trechos clássicos de filmes capas de discos clássicos e tal pessoas mais cult, mulheres semi nuas geralmente representam adolescentes espinhentos que vão mais de 7 vezes ao banheiro e passam mais de 10 minutos em cada visita ao banheiro.

Organização de atalhos também uma característica importante, pessoas com muitos atalhos na área de trabalho geralmente denotam uma pessoa que não se preocupa com a limpeza da área de trabalho ou que essas pessoas não sabem apagar ícones de atalhos, já vi muitas pessoas que realmente não sabiam apagar atalhos.

Agora que já foram passadas as noções básicas de como avaliar as imagende área de trabalho fiquem com as imagens.





Aimé.



Minha área de trabalho. 
 Você o que achou dos desktops expostos, quer seu desktop aqui mande por e-mail.

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Epidemias parte 2



Como puderam ver aqui eu dividi esse texto em mais de uma parte, então vamos a continuação.Nessa parte vou abandonar a ordem cronológica por tratar de epidemias que ainda ocorrem ou podem ocorrer.
Gripe aviaria, estremeceu o mundo em 2004 causou mais sustos que mortes e como a transmissão só se da de aves para pessoas os casos são mais de paranóia e loucura coletiva que de riscos, foram somente 60 casos de óbitos desde o surto.
Sars, um tipo de pneumonia altamente contagioso que alarmou as autoridades de saúde do mundo inteiro que rapidamente agiram para isolar os focos da doença, mas ainda é considerada como uma das doenças que podem levar a morte muitas pessoas ao redor do globo, tanto por letalidade como por ser extremamente contagiosa, qualquer governo que participe da ONU deve comunicar a OMS casos de pneumonias atípicas como forma de prevenção para o alastramento da doença.
Ebola, essa aterrorizou minha  infância, me lembro até hoje a imagem de uma pessoas infectada que repetia em todos os telejornais durante um surto dessa doença na áfrica, mas ao contrario do que é retrado em filme e pela imprensa marrom é apenas moderadamente contagioso, mas altamente letal, versões modificadas do vírus mais contagiosos já foram utilizadas em armas biológicas, nunca lançadas mas produzidas. Os casos da doença se localizam em paises africanos, mas são muito raros.
Tuberculose, no Brasil é uma doença de notificação obrigatória, ou seja todos casos confirmados devem ser notificados ao ministério da saúde para iniciar o tratamento que só pode ser realizado por médico do SUS, treinado especificamente para isso, mas no passado foi uma das doenças que mais assustava as pessoas pela sua facilidade de contagio e muitos anos que pode permanecer incubada sem se manifestar, também era uma doença com tratamento segregatório, ou seja antigamente os doentes tinha que ficar  isolados em alas hospitalares especificas esperando a morte, isso só acabou depois do desenvolvimento de um tratamento eficaz, mas o Brasil ainda é um dos paises com mais casos de tuberculose no mundo.
AIDS, talvez uma das doenças que mais assuste as pessoas hoje em dia, não se sabe ao certo como essa doença passou a afetar seres humanos, a única coisa que se sabe é que é comum em macacos, em humanos o contagio se dá através de troca de fluidos, sangue ou fluidos sexuais, o meio de contagio mais comum hoje em dia é através de relação sexual sem uso de preservativos, em alguns paises da áfrica o nível de contaminação por aids é superior a 25% da população, mas os níveis de contaminação sobem em PG no mundo todo.
Influenza A ou gripe suína, como erroneamente é chamado,  transmitido da mesma forma que a gripe comum ou seja contato com gotículas com o vírus, não existe hoje um dado preciso de quantos infectados ou mortos por essa doença existem, já que esse numero só cresce  alarmando as pessoas, hoje se vivve uma situação de pré loucura coletiva, conversava com uma amiga no msn a poucos dias e falei que mais um pouco saqueavam o comércio, e sério a humanidade chega a pontos de imbecilidade em casos pânico, mas vamos a como realmente se previnir da gripe A.
Primeiramente meu blog não é consultório médico se você querido leitor ou leitora tem algum sintoma de gripe já para o médico, mas se não tem nenhum sintoma de gripe continue lendo a gripe A se manifesta da mesma maneira que a gripe comum só com alguns sintomas mais agudos então nada de tomar aquele remédio da farmácia da esquina ao primeiro sinal de gripe, isso já é meio caminho andado. Depois se tiver sintomas repouso qualquer empresa hoje quase te manda para o médico se você espirrar por lá então 7 dias de repouso e evite contato próximo, menos de 1M de distancia, sexo, beijo nem pensar.
Máscaras, hoje já tem gente usando máscaras cirúrgicas na rua, aqui em Curitiba vi um pequeno bando de mascarados na rua, mas o que poucos sabem que as máscaras  perdem sua eficácia em menos de 2 horas então não é uma medida totalmente segura. Vacina se você se vacinou fique sabendo que essa vacina te imuniza contra a maioria  das gripes que existiam ano passado  e não contra a gripe suína como alguns dizem.
Mas não se preocupem como falei no primeiro texto a gripe espanhola apareceu matou muita gente e depois simplesmente sofreu uma mutação e sumiu e esse será o fim da gripe suína daqui a pouco tempo então não há motivo para pânico.
Ainda tem mais uma parte desse texto que são as doenças que podem vir a se tornar epidemias e armas químicas e biológicas aguardem.


Update olhem a cara de preocupação House a respeito da gripe A.

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO